Desaparecidas desde sexta-feira, 3, meninas de 12 e 14 anos são achadas mortas com marcas de tiros

Duas garotas, de 12 e 14 anos de idade, foram encontradas mortas em um matagal na cidade de Varjota, no interior do Ceará, na tarde deste sábado (4). De acordo com a Polícia Militar, as garotas, identificadas apenas pelo primeiro nome, Regiane e Tainara, estavam desaparecidas desde a sexta-feira (3) e foram achadas com os corpos com marcas de bala.

Ainda conforme a Polícia Militar, os pais e amigos das garotas chegaram a divulgar o desaparecimento em redes sociais, o que mobilizou o trabalho dos policiais e gerou uma comoção na cidade.

Os corpos foram localizados por volta das 16h do sábado, no Bairro Pedreira. Uma delas foi baleada no rosto e outra no peito, e os cadáveres estavam a cerca de 20 metros um do outro.

Os policiais de Varjota afirmam que não podem divulgar indícios a respeito da motivação do crime para não atrapalhar as investigações.

Até a tarde deste domingo (5), ninguém foi preso. Os policiais reforçaram as investigações e as buscas pelos autores do duplo homicídio.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário