Diácono de igreja evangélica é suspeito de estuprar enteada de 12 anos no ES

O diácono de uma igreja evangélica foi preso por suspeita de ter estuprado a enteada de 12 anos de idade. A prisão aconteceu nesta terça-feira (25), em um restaurante em Cariacica, na Grande Vitória.

O nome do padrasto não será informado para não identificar a vítima e nem a família dela.

Segundo o delegado Lorenzo Pazolini, da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, o suspeito de 35 anos confessou o crime aos pastores da igreja e foi excluído da congregação.

Os estupros aconteciam na residência do suspeito, que convivia com a criança há seis anos. Os crimes aconteceram nos dias 7 e 10 de julho.

“Ele abusou da criança em duas oportunidades, isso nós conseguimos comprovar nos autos, motivo que levou à prisão dele. A vítima contou que as situações aconteceram quando a mãe dela saía para trabalhar e o padrasto retornava antes para casa”, disse Pazolini.

O delegado ainda contou que o suspeito confessou que passou a ter desejos sexuais pela enteada com o passar dos anos.

“Ele é garçom em um restaurante, e começou a chegar mais cedo em casa. Foi então que ele passou a aliciá-la e a ter relações sexuais com a criança. No momento em que acontecia o segundo abuso, a mãe retornou mais cedo para casa e flagrou”, contou.

A mãe contou à polícia que não desconfiava do companheiro antes de flagrar a situação. “Ela percebeu que havia algo de estranho com a filha, mas contou que nunca pensou que pudesse ser um abuso dentro da própria casa. A mãe tinha extrema confiança no companheiro, pois a filha não tinha figura paterna, e o detido era essa figura”, lamentou o delegado.

O homem foi levado para o presídio.

Arrependido

O padrasto da menina alegou estar arrependido do que fez. “Todos nós somos errantes, somos falhos. Muitas pessoas têm os erros encobertos, criticando os erros dos outros. Para mim, a pessoa é perdoada quando se arrepende do que fez e deixa de pecar”, falou o padrasto.

Ele afirmou que nunca cometeu outros abusos sexuais antes. “Já me arrependi de tudo que fiz, agora eu vou restaurar a minha vida, minha situação é entre Deus e eu”, disse.

Fonte: g1/es

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta