Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Dilma fica mal na foto ao duelar com FHC

0

A presidente Dilma Rousseff disse hoje, em entrevista aos jornalistas credenciados no Palácio do Planalto, que se a corrupção na Petrobras tivesse sido investigada nos anos 90, não haveria agora o escândalo descoberto pela Operação Lava Jato. Dilma ficou mal na foto e despertou uma reação dura do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

FHC afirmou que a presidente está tentando esconder sua responsabilidade pela corrupção na Petrobras. Afinal, o PT está no poder desde 2003. Seria tempo suficiente para ter acabado com a corrupção na estatal. Mas, ao contrário, a corrupção teria sido elevada a um grau partidário desde então. Ele ainda lembrou que Dilma teria sido no mínimo descuidada ao aprovar a compra da refinaria de Pasadena.

Esta foi a primeira entrevista concedida pela presidente em dois meses. Até mesmo petistas consideraram um erro o uso de um argumento com tom eleitoral. Para eles, a presidente deveria ter falado sobre o futuro e dito que a corrupção será combatida, que os culpados serão punidos e que a Petrobras dará a volta por cima.

*

Fracassou uma tentativa de acordo consensual entre o Ministério Público Federal e as empreiteiras envolvidas na Operação Lava Jato. As empresas chegaram a negociar um documento em que pagariam multas e reconheceriam culpa. Mas acharam alto o valor pedido e recusaram o acordo.

Sem acordo, o Ministério Público fez um cálculo em que a indenização é dez vez maior do que o valor que teria sido desviado da Petrobras pela corrupção. Tiveram início, hoje, cinco processos judiciais para cobrar até R$ 4,5 bilhões de reais das empreiteiras acusadas.

As empresas dizem que essa indenização pode quebrá-las. Agora, a Justiça vai decidir se mantém o valor estipulado pelo Ministério Público ou se o reduz.

Confira os temas do “SBT Brasil”:

Blog do Kennedy Alencar

Comentários
Carregando