Dilma queria soltar as presas no dia das Mães e não conseguiu

A frustração dos planos do governo de dar um indulto de Dia das Mães para as mulheres presas em todo o país mostra como, nem na reta final e sem nenhuma amarra política, o governo Dilma é fraco de execução.

Nascida no Ministério da Justiça de Eugênio Aragão, a proposta morreu na burocracia do Palácio do Planalto e Dilma não conseguiu assinar a tempo para que as presas recebessem o benefício.

Como quase tudo no governo Dilma, não deu em nada.

Lauro Jardim/OGlobo

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta