Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Dilma venceria eleições no primeiro turno com ou sem Marina, diz pesquisa

0

A presidente Dilma Rousseff lidera com folga a corrida presidencial de 2014 e seria reeleita ainda no primeiro turno, mostra a pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulgada nesta quinta-feira (7).

Sem a ex-senadora Marina Silva como candidata do PSB, a presidente tem 43,5% das intenções de voto, contra 19,3% do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e 9,5% do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). No cenário em que Marina aparece como candidata do PSB, Dilma tem 40,6% das intenções de voto, contra 22,6% de Marina e 16,5% de Aécio. Nos dois cenários, Dilma ganharia ainda no primeiro turno.

Futura Press

Aprovação pessoal da presidente e do governo Dilma permanece estável em novembro

Dilma também venceria em segundo turno contra quaisquer candidatos, aumentando sua vantagem contra seus adversários. De acordo com a pesquisa, Dilma tem 45,3% das intenções de voto, contra 29,1% da ex-ministra Marina Silva em um eventual segundo turno entre as duas. Em setembro, na sondagem anterior, Dilma tinha 38,2%, contra 30,5% da Marina.

Quando o rival é o presidente do PSDB, o senador Aécio Neves (MG), Dilma seria reeleita com 46,6%, contra 24,2% do tucano. Na pesquisa anterior, Dilma tinha 39,6% e Aécio, 26,2%. No cenário contra o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), Dilma tem a maior vitória: 49,2% contra 17,5%. Antes, o resultado era, respectivamente, 42,1% contra 17,7%.

Avaliação estável

A pesquisa realizada pelo instituto MDA encomendada pela CNT também mostra que avaliação do governo Dilma ficou praticamente estável em novembro. A avaliação positiva do governo passou para 39,%, ante 38,1% em setembro. A avaliação negativa passou para 22,7%, ante 21,9%.

O desempenho pessoal da presidenta foi avaliado como positivo por 58,8% dos entrevistados. O dado mostra estabilidade em comparação à última pesquisa quando o percentual foi 58%. O índice de desaprovação do desempenho pessoal de Dilma é 38,9%.

Foram entrevistadas 2.005 pessoas entre os dias 31 de outubro e 4 de novembro, em 135 municípios de 21 unidades da Federação. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais.

Economia

A pesquisa apontou que 53,7% dos entrevistados se consideraram “muito preocupados” com a inflação. Aqueles que estão “pouco preocupados” são 29,1% e os não preocupados somam 15,5%. Em outra pergunta, o instituto verificou a preocupação dos brasileiros com o crescimento econômico.

Ao todo, 44,1% dos ouvidos se disseram “muito preocupados” com o crescimento da economia, 35,8% “pouco preocupados” e outros 16,9% não estão preocupados.

Com Reuters, Agência Estado e Agência Brasil

Comentários
Carregando