fbpx
“Discurso Dória” começa a desmoronar em SP e em Porto Velho; Hildon empregou até sogra de presidente da Câmara

Eleitos sob a égide do “não sou político”, Hildon Chaves e João Dória se mostram focados em marketing pessoal e na “ajuda aos amigos”

O Ministério Público do Estado de Rondônia determinou que o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB) exonerasse todos os cargos comissionados que não estivesse de fato exercendo atribuições reais de assessoramento, em virtude do “número exorbitante” de comissionados na folha do município.

No último fim de semana, uma lista com nomes dos servidores comissionados e seus respectivos “padrinhos” passou a circular em grupos de Whatsapp. A relação é a mesma que foi encaminhada ao Ministério Público e mostra que, entre os indicados para cargos na prefeitura, estão pessoas com estreitas ligações com vereadores. Entre os nomes aparece o da sogra do presidente da Câmara Municipal, com salário de R$ 13 mil, que ocupa o cargo de “assessor político governamental”.

A lista, com 453 nomes, apresenta por ordem alfabética quem foi indicado por quem e comprova que o discurso de Hildon Chaves serviu apenas para a campanha. O prefeito, eleito sob a égide do “não sou político e vou fazer diferente”, segue na mesma trilha de seus antecessores. A relação mostra que vários vereadores indicaram cargos na gestão de Hildon e são exatamente os que lhe dão suporte na Câmara Municipal.

O prefeito não aprendeu com os erros de seus antecessores e tal qual, segue a passos largos para uma condenação por improbidade administrativa, ou passar pelo vexame de ter sua casa e gabinete vasculhados pela polícia ainda no primeiro mandato. Melhor seria ele cortar o discurso, as “lives” de Facebook e focar no que realmente importa.

E lá

Em São Paulo João Dória também começa a ser desmontado. A última do prefeito- estrela foi ter anunciado a jogadora Magic Paula como “madrinha” de um programa da prefeitura. A jogadora desmentiu em seu perfil no Facebook e disse que “nunca foi procurada”. E foi a segunda vez que Dória fez isso. Um levantamento feito pela revista Exame mostrou que as parcerias público privadas, anunciadas por Dória não estão avançando, e o mesmo acontece em Porto Velho.

A gestão de Hildon Chaves só conseguiu se sobressair apenas em uma área, que é a secretaria de Esportes, cuja titular, Ivonete Gomes que é natural de Porto Velho e conhece como poucos as deficiências do município, vem realizando uma série de ações importantes e que dão visibilidade. O “tapa- buracos” alardeado nas redes sociais e em outdors, se mostraram ineficazes e o asfalto, que vem sendo feito com recursos da bancada federal, que já estavam destinados à Porto Velho independente de quem fosse o prefeito, não vai ser suficiente para salvar o discurso de Chaves. A população quer asfalto, mas principalmente empregos, mas não para os apadrinhados e sim para quem não tem oportunidade e acreditou no discurso do “deixa eu cuidar de você”. Por enquanto, ao que tudo indica, só estão sendo cuidados os amigos do rei…

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta