Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Drogas escondidas em viatura levam à prisão de 12 PMs por tráfico

0

Após Corregedoria deter dois policiais em SP com entorpecentes em veículo, investigação leva à detenção de mais dez suspeitos, incluindo cabos e um sargento.

Doze policiais militares foram presos preventivamente por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas na Zona Sul de São Paulo. Eles estão detidos no presídio militar Romão Gomes e responderão a processo administrativo que pode resultar em expulsão da corporação, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

No dia 30 de janeiro, a Corregedoria da PM prendeu dois policiais em flagrante, carregando duas latas de cerveja e uma mala com drogas dentro da viatura. Após as duas prisões e com informações obtidas de ligações telefônicas interceptadas com autorização judicial, a Corregedoria chegou a outros dez policiais, envolvendo cabos e um sargento, que foram presos preventivamente na última quinta-feira, dia 9. Na ocasião, também foram cumpridos mandados de busca e apreensão. Todos são da 3ª Companhia do 50º Batalhão da PM, no bairro do Grajaú, e tiveram as armas apreendidas.

Segundo a Ouvidoria da PM, a Corregedoria da corporação estava investigando o caso há cerca de quatro meses. “É um fato histórico, é difícil acontecer uma prisão tão significativa como essa”, comentou o ouvidor Julio Cesar Neves. Para ele, o trabalho do órgão foi determinante para a prisão dos PMs. “Temos que parabenizar a Corregedoria e a Justiça Militar pela atuação firme nesse caso”, disse

De acordo com a Justiça Militar, além do envolvimento com o tráfico de drogas, os policiais são investigados por suspeita de terem cometido crimes de corrupção passiva, concussão, extorsão mediante sequestro e peculato durante o serviço. A prisão preventiva dos 12 foi decretada para garantir a ordem pública, “diante da periculosidade dos acusados”, informa a decisão judicial.

A reportagem procurou o advogado dos suspeitos, mas não conseguiu contato.

Fonte: veja.com

Comentários
Carregando