fbpx

Um suposto agente penitenciário que gravou um áudio que está circulando em grupos de WhatsApp conclama a categoria para “endurecer o movimento” e afirma que “fazer greve com 70% do efetivo trabalhando enquanto meia dúzia fica do lado de fora com faixas e dando entrevistas para a imprensa não resolve nada”.

A fala é atribuída ao delegado sindical de Ariquemes, Everton Lane de Assis, mas nossa reportagem não conseguiu confirmar, porque os agentes alegam que “a fala pode prejudicar a categoria”. A gravação tem pouco mais de 3 minutos e o suposto agente alega que “o judiciário de Rondônia é vendido para o governo Confúcio” e que o executivo “só trabalha na ilegalidade”.
Ele diz ainda que para o movimento grevista ter sucesso, é preciso que morram presos e venham as comissões internacionais, “quanto mais preso morrer, melhor”, afirma. Ouça a íntegra:

Os agentes penitenciários decidiram na última sexta-feira que vão paralisar as atividades em todo o estado a partir desta quinta, 16, por tempo indeterminado. Eles querem a implantação do Plano de Cargos Carreiras e Salários da categoria. A minuta apresentada por eles ao governo foi rejeitada.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta