fbpx
Em entrevista, Andrey Cavalcante fala sobre o futuro da Advocacia em Rondônia

O candidato a presidente da OAB Rondônia pela chapa #Todos Pela Ordem, Andrey Cavalcante, foi o entrevistado do programa “A Hora do Povo” que foi ao ar nesta quarta- feira (11) para todo o Estado. Andrey falou sobre a composição da chapa, conquistas da advocacia, propostas para o avanço da Ordem em Rondônia e respondeu questionamentos dos ouvintes.

O candidato iniciou sua participação falando sobre o intenso debate propositivo e ideológico que tem participado em todos os municípios onde há Subseções da OAB.

“Criamos um contexto de proposta para contemplar a advocacia de Rondônia, ouvindo cada um dos advogados e levando em conta as peculiaridades de cada região. Visitamos todo o Estado, de Guajará-Miriam a Colorado, ponta a ponta de Rondônia, não somente no período eleitoral, mas em toda a gestão”.

Andrey Cavalcante falou sobre as dificuldades enfrentadas com a implantação do PJe (Processo Judicial Eletrônico), não somente em Rondônia, mas em todo o Brasil.

“Quando assumimos havia um cronograma já estabelecido, tivemos q avaliar e planejar as capacitações”, esclareceu. “Para auxiliar os advogados, foram organizadas caravanas de capacitações que percorreram todas as Subseções, com palestras e treinamentos”.

Os investimentos realizados nas Subseções e na Capital também foi assunto na entrevista. Andrey Cavalcante citou a reforma e aparelhamento tecnológico, em todos os municípios, alem das 12 salas de apoio mais o Centro de Inclusão Digital em Porto Velho, com técnicos instruídos para atender as necessidades do advogado. “Salas com tecnologia e ambiente humanizado para o desenvolvimento das atividades da advocacia”.

O apresentados do programa, Maurício Calixto, questionou sobre as prerrogativas do advogado, enfatizando o trabalho desenvolvido na atual gestão. Andrey Cavalcante relembrou as conquistas, como garantia de atendimento prioritário em órgãos da Justiça e instituições públicas. Falou também do fim do horário estipulado para visita de advogados a clientes nos presídios. “Em todos os momentos em que a advocacia foi desrespeitada nós atuamos de forma intransigente. Não queremos ser mais do que ninguém, também não podemos ser menos. Buscamos equilíbrio e continuaremos a servir dentro desse cenário”.

MUDANÇAS NA ESTRUTURA ORGÂNICA

Sobre as propostas para o futuro da OAB em Rondônia, Andrey Cavalcante destacou que investimento físico não será necessário, uma vez que foram realizados nesta gestão. A mudança deve acontece na estruturação organizacional, levando em conta a realidade de cada cada município. “Vamos ampliar o rol de serviços com a criação da Procuradoria de Prerrogativas, com subprocuradorias em algumas subseções, como Ariquemes”.

As mudanças também beneficiarão os jovens advogados. Para eles, foi implementado um plano gestão especifico, com piso remuneratório aos advogados contratados, programa de incubadora para facilitar os primeiros passos do advogado e promover inserção do jovem no mercado de trabalho.

Antes de finalizar a entrevista, Andrey Cavalcante frisou as realizações da Ordem. Mesmo com o déficit financeiro em que herdou a Instituição, foi possível reverter o quando e investir quase R$ 2 milhões em tecnologia, reformas e capacitações. “Esse recurso foi investido com muita responsabilidade e estão totalmente a disposição da sociedade e dos advogados. O Conselho Federal e sua controladoria auditaram e atestaram os gastos como eficientes”.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

2 thoughts on “Em entrevista, Andrey Cavalcante fala sobre o futuro da Advocacia em Rondônia

Deixe uma resposta