Em visita a usina de calcário, Maurão destaca importância do minério para aumento da produtividade

Com a correção do solo, capacidade de produção é elevada, trazendo mais lucros no campo

O presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PMDB), visitou no final de semana a usina de calcário em Parecis, de propriedade do empresário César Cassol, e voltou a destacar que a aplicação do minério, que corrige a acidez do solo e garante o aumento da produtividade, os produtores de Rondônia têm aumentado seus ganhos.

“Rondônia é essencialmente produtivo e tudo o que vier contribuir para a melhoria e o aumento da nossa produtividade, vai significar mais ganhos para quem produz, mais empregos e o crescimento de nossa economia. Essa usina está ajudando a alavancar o setor e o Estado ganha com isso”, afirmou.

Acompanhado do deputado federal Luiz Cláudio (PR), Maurão foi recebido por César Cassol, que mostrou o funcionamento da usina, desde a extração das rochas até o processo de beneficiamento do calcário dolomítico, que contém quantidades equilibradas de cálcio e magnésio. Hoje, a usina processa 2.200 toneladas ao dia, para ser comercializado em Rondônia, Acre, Mato Grosso e Amazonas.

Para expandir ainda mais os negócios, o empresário César Cassol trouxe um grupo de fazendeiros, empresários e autoridades do Departamento do Beni, na Bolívia, que querem adquirir calcário para corrigir o solo nas suaspropriedades. “É um negócio bom para os dois lados: para nós, podemos vender o calcário. Os bolivianos, podem nos vender adubos, insumos e sal e uréia, que eles têm em abundância, há pouco mais de mil quilômetros de distância daqui”, completou César.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta