Empresa assumiu seguro de avião em que estava Teori um dia antes do acidente

A aeronave estava segurada em US$ 3,5 milhões.

O avião acidentado com o ministro Teori Zavascki no litoral fluminense, o PR-SOM, estava segurado pela Bradesco Seguros até 18 de janeiro. No dia seguinte, a Tokyo Marine assumiu o seguro da aeronave.

O acidente aconteceu no dia 20. A aeronave foi assegurada por US$ 3,5 milhões. Já o seguro relativo à responsabilidade civil para danos a vítimas é de US$ 20 milhões. Cinco pessoas morreram no desastre.

Familia de Teori Zavaski vai receber um seguro de U$ 4 milhões de dólares.

Fonte: epoca.globo.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta