Ex-secretários de Saúde Miguel Sena e Milton Moreira são condenados à prisão

Também foram condenados outras quatro pessoas envolvidas em supostos superfaturamentos

O juiz Edvino Preczevski, da 2a Vara Criminal de Porto Velho, condenou os ex-secretários estaduais de Saúde MIlton Luiz Moreira e Miguel Sena Filho às penas de prisão. Miguel Sena foi condenado a oito anos de reclusão e mais cinco anos e sete meses de detenção; Milton Luiz Moreira, a três anos e seis meses de reclusão. Os dois foram acusados pelo Ministério Público , entre outras graves irregularidades, de superfaturamento de preços quando estavam à frente da Sesau.

Juntamente com Milton luiz Moreira e Miguel Sena foram condenadas mais quatro pessoas – Elson de Souza Montes, ex-diretor regional do Hospital de Buritis; Job Alves, Cristiano Moreira da Silva e Maria Elza Luzia. Todos são acusados de envolvimento no esquema e foram condenados à penas variadas. Elson, por exemplo, foi condenado a 8 anos de reclusão e mais 5 anos e sete meses de detenção.

A sentença é do dia 18 de abril e foi publicada nesta quarta-feira, 4 de maio, no Diário da Justiça.

O processo que resultou na condenação em primeiro grau resultou da contratação da empresa Ambiental para
coleta externa, transporte, incineração e disposição final de lixo hospitalar do Hospital Regional de Buritis.

Em maio de 2003, sem que houvesse prévia licitação, prévio emprenho, formalização de contrato e sequer a instauração de processo administrativo, a empresa AMBIENTAL SERVIÇOS DE PRESERVAÇÂO AMBIENTAL E COMÉRCIO LTDA  passou a fazer o serviço de coleta externa, transporte incineração e disposição final de resíduos sólidos hospitalares do Hospital Regional de Buritis. Os demais condenados atestaram a suposta prestação de serviço desta empresa.

Cabe recurso da decisão e os réus podem recorrer em liberdade.

As informações são do Tudorondonia

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Ex-secretários de Saúde Miguel Sena e Milton Moreira são condenados à prisão

  1. Foi excelente o trabalho do TJ RO porém, falta devolver o dinheiro desviado ou tomar os bens que ele apoderou-se depois que passou a ser secretário – sendo assim, seria um perfeito trabalho.

Deixe uma resposta