fbpx
Ex-vice-presidente da Argentina é preso em Buenos Aires

O ex-vice-presidente da Argentina Amado Boudou foi preso nesta sexta-feira (3), se tornando o segundo grande líder do governo da ex-presidente Cristina Kirchner a ser detido, informou uma fonte envolvida com a investigação.

A polícia prendeu Boudou e seu sócio José Maria de Nuñez Carmona em um bairro de classe alta de Buenos Aires por suspeita de extorsão e lavagem de dinheiro, quando era ministro de Economia, relatou a agência de notícias estatal Telam.

Boudou não foi encontrado de imediato para comentar, mas no passado o político negou ter cometido qualquer infração.

O ex-ministro do Planejamento de Cristina Kirchner, Julio De Vido, foi preso no dia 25 de outubro.

Fonte: r7

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta