Expedito Netto vota vetos presidenciais e nova meta fiscal

Os deputados e senadores já começaram a votar os 24 vetos presidenciais que trancam a pauta do Plenário do Congresso. Depois que os parlamentares deliberaram sobre os vetos e também sobre destaques, a pauta foi liberada para a votação da nova meta fiscal proposta pelo governo Temer.

O Deputado Expedito Netto esteve presente a sessão conjunta votando e representando os rondonienses: “O Congresso Nacional manteve nesta terça-feira, em uma sessão conjunta de deputados e senadores, 24 vetos presidenciais que estavam pendentes de análise. No entanto, desses 24 itens, os parlamentares ainda vão analisar 13 vetos considerados mais polêmicos, que poderão ser modificados. Somente após concluir a votação desses destaques é que poderá ser votado o projeto de lei que revisa a meta fiscal de 2016. Pela proposta enviada pela equipe econômica do presidente em exercício Michel Temer, a previsão é que haja um rombo de até R$ 170,5 bilhões neste ano”.

Muryllo F. Bastos é advogado, editor do site e Painel Político. Natural de Vilhena.

Deixe uma resposta