fbpx
Fecomércio-RO recebe da Prefeitura a certificação pelo Programa Boas Práticas em Sustentabilidade

A Subsecretaria municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável – SEMA – da Prefeitura de Porto Velho, conferiu à Fecomércio-RO, na tarde de quarta-feira (23) um certificado pelos relevantes serviços prestados e boas práticas socioambientais desenvolvidas em prol da sustentabilidade ambiental do município. A entrega foi feita pelo secretário executivo da Subsecretaria Yaylley Jezini à consultora executiva da Federação, Cileide de Macedo.

A certificação foi feita durante a abertura da II Reunião Técnica de Trabalho organizada pela Fecomércio-RO com instituições públicas municipais e estaduais e também privadas para debater a gestão dos resíduos sólidos em Porto Velho. Participaram da reunião representantes do sistema Fecomércio/ SESC/SENAC, da FIERO, da Secretaria de Estado da Assistência Social – SEAS -, Subsecretarias municipais do Meio Ambiente e de Serviços Urbanos e a Embrapa.

As reuniões técnicas são desdobramento do Programa Boas Práticas em Sustentabilidade Socioambiental do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, iniciado em julho de 2016 com o objetivo principal de implantar a coleta seletiva nas unidades da instituição. Entretanto, logo foram percebidos os gargalos no processo, como para onde destinar certos resíduos, como os eletrônicos, papéis, vidro, entro outros.

Essas questões levaram a identificar um problema maior: a falta de políticas públicas voltadas à coleta e à reciclagem de lixo na Capital e a necessidade urgente de se debater o assunto. Além da Prefeitura, que já era parceira do Programa Boas Práticas, desde 2016, com a coleta dos materiais recicláveis produzidos pelas unidades do Sistema, uniram-se para debater soluções as secretarias de Estado da Assistência Social (SEAS), do Desenvolvimento Ambiental (SEDAM), da Educação (SEDUC) e de Finanças (SEFIN), e por último a Federação das Indústrias de Rondônia (FIERO) e a Embrapa.

“A cada encontro damos mais um passo para construirmos, poder público e iniciativa privada, uma rede voltada a debater e reunir esforços para a solução da questão dos resíduos sólidos em Porto Velho. Precisamos construir a cadeia produtiva do lixo. Desde a coleta, à destinação, comercialização, passando pela inclusão dos catadores e a educação ambiental forte”, ressalta o presidente da Fecomércio, Raniery Coelho.

Desde abril desse ano a Fecomércio aprofundou o debate sobre gestão de resíduos sólidos e a cada encontro mais parceiros vão sendo agregados. Na reunião técnica de 23 de agosto foi feito o alinhamento das ações que cada instituição tem feito isoladamente a respeito do tema resíduos sólidos. A ideia do grupo é potencializar essas ações a partir da integração e articulação entre as instituições.

Um próximo encontro já está previsto para meados de setembro.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta