Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Federais do interior e senador foram quem mais destinaram recursos para Porto Velho

Até deputada do Acre mandou mais dinheiro para a capital que Mariana Carvalho, campeã de votos em Porto Velho

0

Jéssica Sales, deputada federal do Acre destinou R$ 500 mil para ajudar nas obras de construção do Hospital do Câncer, em Porto Velho. Por conta disso, a parlamentar chegou a ser criticada por alguns setores da imprensa de seu Estado. Injustamente, já que a unidade que é uma extensão do Hospital do Câncer de Barretos (SP) também atenderá os estados vizinhos.

Com essa ação, a parlamentar conseguiu superar em pouco menos de R$ 20 mil, a deputada federal Mariana Carvalho (PSDB), eleita por Porto Velho com expressiva votação em 2014, que destinou para a capital R$ 483.852, do Fundo Nacional de Saúde, que foram pagos agora em 2017. Os R$ 500 mil de Jéssica Sales também, assim como R$ 799 mil do deputado federal Lindomar Garçon.

Os dados constam do sistema “Siga Brasil“, que permite a visualização de emendas individuais dos parlamentares federais. O mesmo sistema mostra que em 2016 apenas uma emenda, da deputada federal Marinha Raupp foi executada, no valor de R$ 298.556 para Porto Velho. Em 2015 foram executadas efetivamente emendas de Moreira Mendes, no valor de R$ 250 mil e Marinha Raupp, no valor de R$ 597.112, ambas do Fundo Nacional de Saúde.

No mesmo ano foram apresentadas emendas de Padre Ton (300 mil) do Ministério da Justiça, Marcos Rogério (300 mil) também do Ministério da Justiça e Carlos Magno (462.300) do Fundo Nacional de Saúde e Moreira Mendes, também do FNS no valor de R$ 2 milhões.

Entre os senadores, apenas Ivo Cassol destinou R$ 800 mil para a capital que já foram executados e apresentou outra emenda, no valor de R$ 1 milhão que ainda não foi paga. Mariana Carvalho em 2017 inseriu no orçamento emenda no valor de R$ 1,5 milhão junto ao Ministério dos Esportes, mas esse valor se for disponibilizado, deverá ser pago a partir de 2018.

“Cabeça preta”

Mariana Carvalho ficou nacionalmente conhecida por integrar a ala do PSDB conhecida como “cabeças pretas”, grupo formado pelos parlamentares mais novos. Ela também virou manchete nacional por participar das baladas mais caras em Brasília. Já em relação a trabalho efetivo em prol da capital, que vem afundando em problemas crônicos e recentes, a parlamentar deixa a desejar.

No rol de parlamentares rondonienses que destinam recursos para a capital, já podemos incluir o deputado federal Luiz Cláudio, que em 2017 conseguiu R$ 4,7 milhões para compra de duas pontes telescópicas para o aeroporto de Porto Velho e em uma ação conjunta, também com Ivo Cassol, conseguiram mais R$ 5 milhões que já foram liberados para a Infraero, em uma parceria com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) para melhorias no aeroporto.

A licitação está marcada para o próximo dia 10.

Comentários
Carregando