Foragida, Ellen Ruth consegue “licença” na Assembléia; Donadon também segue fugindo da polícia

A Polícia Civil de Rondônia continua procurando a ex-deputada estadual Ellen Ruth Catanhede Salles Rosa, que é servidora efetiva da Assembleia Legislativa e conseguiu, no último dia 25, uma “licença para tratar de interesses particulares”, sem remuneração por um período de 25/04/2016 a 25/04/2019.

Ellen é técnica legislativa, mas nunca aparece para trabalhar, pois está sempre “de licença”. Ela foi condenada a 9 anos e 2 meses de reclusão em regime fechado e pagamento de 282 dias-multa. Desde abril que a polícia procura Ellen Ruth. Como a sentença é de segundo grau (portanto ainda cabe recurso), ela não pode ser exonerada do serviço público, mas a decisão do STF determina que ela recorra, mas na prisão. Se ela for presa, a Assembleia pode dar início ao processo de demissão. Ela foi condenada por formação de quadrilha e concussão (crime praticado por funcionário público, em que este exige, para si ou para outrem, vantagem indevida, direta ou indiretamente, ainda que fora da função ou antes de assumi-la, mas em razão dela).

"Licença" para a ex-deputada que está foragida
“Licença” para a ex-deputada que está foragida

Donadon segue foragido

O ex-deputado estadual Marcos Donadon também continua foragido da justiça. Ele foi condenado, pela segunda vez e quando a polícia esteve em sua casa, foi informada que “o ex-deputado estava viajando” mas se apresentaria na semana seguinte. A esposa de Marcos Donadon é a deputada estadual Rosângela Donadon (PMDB), que pode ser acusada de obstrução da justiça e de dar fuga a um condenado da justiça.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Foragida, Ellen Ruth consegue “licença” na Assembléia; Donadon também segue fugindo da polícia

  1. Pra falar a verdade se fosse eu ou voce já estaríamos guardados na cheirosa, mas como são bacanas do colarinho
    branco e coisa e tal é sempre assim, não foi encontrado, está em lugar incerto e não sabido, está de licença, ainda
    não foi instaurado processo de demissão, enfim, bandos de filhos da puta, o sistema é conivente, sabem de tudo,
    pois, é impossível todo esse tempo estar escondido e sem nenhuma pista dos insetos. Falta somente o rigor da jus-
    tiça em cobrar suas próprias decisões . . . falei. . . pronto. . . tchau . . .

Deixe uma resposta