Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Garota não escreve cartas às vítimas e é presa

0

Uma jovem de 21 anos, acusada de cometer vários roubos em Araguaína, norte do Tocantins, teve que voltar para a prisão depois de descumprir acordos firmados com a Justiça. Maria Karollyny Campos Ferreira, conhecida como Karol, se comprometeu a escrever cartas de perdão e confeccionar sandálias para seis vítimas. Como os acordos foram descumpridos, teve a liberdade revogada.

Maria Karollyny Campos FerreiraA garota fez o acordo com a Justiça para evitar a prisão temporária por ser acusada pelos crimes.
O mandado de prisão, emitido pelo Juiz Antônio Dantas, foi cumprido nesta terça-feira (28) pela Polícia Civil, em Araguaína. Karol teve que voltar para a Cadeia Feminina de Babaçulândia.

Ela foi presa provisoriamente em dezembro do ano passado acusada de praticar roubos no município. Em abril deste ano, ela foi integrada no projeto de Justiça Restaurativa, iniciativa de pacificação social implantada pelo Judiciário em parceria com o Ministério Público Estadual.

Defesa
A Defensoria Pública do Tocantins informou que a Ação Penal em desfavor de Karol está em fase de instrução e julgamento e que apresentará suas manifestações no momento processual oportuno, especialmente após a manifestação do Ministério Público Estadual.

Comentários
Carregando