Google tentará deixar a internet mais barata

O Google se uniu a outras 30 empresas e organizações para tomar medidas a fim de tornar a internet um bem mais acessível. Eles criaram a Alliance for Affordable Internet (A4AI), que tem a gigante de buscas como uma das líderes e, em posições mais baixas, nomes como Facebook, Microsoft, Yahoo e até a brasileira FGV (Fundação Getulio Vargas).

Segundo a companhia, a ideia é garantir que o acesso à rede mundial de computadores não custe mais que 5% da renda de cada pessoa. Esta é uma meta traçada pela ONU, mas hoje há lugares em que se gasta até 30% do salário só com internet.

Sozinho o Google já encabeçou iniciativas para espalhar o acesso. Usar os espaços em branco das frequências televisivas na África (veja aqui) e lançar um balão que distribui sinal foram algumas dessas atitudes – embora a última tenha sido duramente criticada pelo filantropo Bill Gates (aqui).

“Essas tecnologias podem ter grandes impactos, mas nenhuma solução isolada pode conectar as 5 bilhões de pessoas que hoje vivem sem internet”, comenta a empresa, que espera conquistar apoio de mais de dez países até o final de 2015.

 

Fonte: Olhardigital.uol

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Anterior «
Próximo »

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

  • twitter
  • googleplus

Deixe uma resposta

Direto de Brasília