Homem agride esposa para poder ver mensagem no Whatsapp; caso aconteceu em Porto Velho

Um jovem de 21 anos tentou pegar o telefone celular da esposa, para ler as mensagens recebidas e encaminhadas por ela, e acabou preso em flagrante por violência doméstica nesta quinta-feira (26), em Porto Velho.

Segundo a polícia, para impedir que o marido lesse as mensagens, a mulher, de 24 anos acionou a Polícia Militar e acusou o marido de agressão.

O caso, registrado como lesão corporal, com agravante de violência doméstica, aconteceu no início da tarde desta quinta, na Rua Antônio Maria Valência, bairro Aponiã, na Zona Norte da capital.
A suposta vítima, que, segundo registro de ocorrência, apresentava lesão na testa, no nariz e mão esquerda, contou à PM que foi agredida com soco no rosto devido ciúmes do marido.

Na narrativa, ela disse que saiu de casa na noite da última quarta-feira (25) e retornou por volta das 12h desta quinta-feira (26), o que deixou o marido revoltado.

Na Central de Polícia, quando o marido era autuado, a mulher mudou a versão dos fatos, dizendo que não foi agredida pelo suspeito, mas que as lesões teriam sido causadas por ela mesma, quando o marido tentou pegar o aparelho celular para verificar mensagens, que, de acordo com ela, são comprometedoras.
O rapaz ainda chegou a ser ouvido pelo delegado plantonista, mas foi liberado em seguida.

G1/RO

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário