Idoso mata esposa por engano ao confundi-la com assaltante

Um idoso de 67 anos é acusado de atirar e matar a esposa de 54 anos ao confundi-la com um assaltante. O caso aconteceu em Caçapava do Sul (RS) na noite deste domingo (11/6).

De acordo com o G1, o casal estava dormindo em casa quando a esposa ouviu barulhos no pátio e foi verificar o que poderia ser. O marido acordou quando a mulher, identificada como Fátima Lopes Oleques, voltava para o quarto e, ao ver um vulto, fez um disparo com um revólver calibre .22.

O tiro atingiu a esposa no peito. O acusado afirmou que ainda buscou por socorro, mas não foi possível salvá-la. Ele foi liberado após prestar depoimento. O delegado Ricardo Milsesi justificou a soltura afirmando que o fez para diminuir o sofrimento do idoso, que ficou em estado de choque e precisou de atendimento médico.

“Não cabia naquele momento agravar a situação daquele senhor, por isso, optei por liberá-lo.” O delegado também afirmou que o casal não tinha antecedentes criminais e que a perícia feita na casa mostrava que a situação “era verossímil com o relato do idoso”. A arma, contudo, estava em situação irregular: o homem não tinha posse do revólver. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Caçapava do Sul.

Fonte> metropoles.com

Deixe uma resposta