Interdição da Câmara de Cerejeiras é mantida

In Política
Espalhe essa informação

A equipe de vistoria técnica do 3° Grupamento do Corpo de Bombeiros de Vilhena (RO) decidiu manter a interdição do plenário da Câmara de Vereadores de Cerejeiras (RO), após a realização de uma nova vistoria nesta segunda-feira (30). De acordo com o sargento Luiz Antônio Bueno, uma tesoura que sustenta a estrutura está aberta e com isso uma viga acabou cedendo.
“Foi aí que teve o rebaixamento do forro. O plenário não corre risco de desabar por agora, mas se houver uma ventania na cidade, por exemplo, a estrutura poderia vir a baixo”, explica o bombeiro. Segundo Bueno, a medida a interdição do plenário foi uma forma de prevenção, já que vários eventos costumam ser realizados no auditório da câmara.
Segundo o Corpo de Bombeiros, um engenheiro da câmara municipal de Cerejeiras deve apresentar, até quarta-feira (2), um projeto com laudo estrutural e técnico apontando os defeitos e as possíveis correções a serem feitas no plenário. “O auditório só vai ser liberado quando o projeto aprovado tiver sido executado”, afirma.
O G1 entrou em contato com a Câmara de Cerejeiras, mas o presidente da casa não foi encontrado para falar sobre o novo laudo do Corpo de Bombeiros. Na sexta-feira (27), Valcir Rech disse que a viga de sustentação seria trocada até o início desta semana.

 

Fonte: G1

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!

You may also read!

Goleiro Bruno se entrega à polícia antes de receber voz de prisão

Goleiro Bruno se entrega à polícia antes de receber voz de prisão

Espalhe essa informação Como a delegacia ainda não havia sido informada da decisão do STF, o jogador do Boa

Read More...
Pai leva interno foragido de volta para Fundação Casa de Ferraz, em SP

Pai leva interno foragido de volta para Fundação Casa de Ferraz, em SP

Espalhe essa informação De acordo com a fundação, 17 internos fugiram no último domingo (23); dois voltaram para a

Read More...
Travesti morre em São Carlos, SP, após complicações devido ao uso de silicone

Travesti morre em São Carlos, SP, após complicações devido ao uso de silicone

Espalhe essa informação Veronica Rios tinha 35 anos estava internada há 12 dias na UTI da Santa Casa. Ela

Read More...

Deixe uma resposta

Mobile Sliding Menu