fbpx
Jean Oliveira para ruas e linhas vicinais da Capital e distritos

Com o intuito de melhorar o acesso da população, garantindo o seu direito universal de ir e vir, o deputado Jean Oliveira (PMDB) indicou ao governo do Estado e ao Departamento de Estradas e Rodagens (DER), a necessidade de encascalhamento de ruas da capital, bem como de linhas vicinais em vários distritos de Porto Velho através do projeto Estradão.

Para a rua Aloísio de Azevedo, no trecho que compreende a rua Goiás e BR 364, o parlamentar indicou que seja realizado, em conjunto com a prefeitura da Capital, o serviço de encascalhamento, num trecho de 500 metros, no bairro Tucumanzal, tendo em vista ser este um dos bairros mais antigos e sofridos da cidade. Para os distritos, o parlamentar indicou ao DER os serviços de manutenção, patrolamento, encascalhamento, aberturas e eliminação de buracos e curvas perigosas nas Linhas Vicinais dos distritos da capital, através do Projeto Estradão 2016.

Para Jacy-Paraná foi pedido serviços em todas as Linhas e em todas as suas extensões, bem como para o distrito de Abunã, Rio Pardo, Vista Alegre do Abunã, Extrema de Rondônia e Nova Califórnia. Os mesmos serviços, o deputado Jean Oliveira encaminhou pedido ao DER para serem executados nas Linhas Vicinais do distrito de União Bandeirantes, também em Porto Velho.

Foram pedidos serviços para as Linhas 07, Linha do Pavão, Linha 15 de novembro, Linha 02, Linha 12, Linha do Ferrugem, Linha 04, Linha 08, Linha 09, Linha 02/A, Linhão (dentro de União Bandeirantes), Linha 101, da BR 364 a União Bandeirantes, Linha “PO”, Linha “F”, Linha “Onzinha” e Linha 11.

O objetivo das proposições, segundo Jean Oliveira, é atender as reivindicações dos moradores das Linhas Vicinais para facilitar seus direitos e, acima de tudo, dar condições para escoar a produção de suas propriedades e proporcionar aos estudantes condições de deslocamento até suas escolas, finalizou.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta