Jovens são agredidos após buzinar pedindo passagem

Letícia Amaral Ribeiro, de 22 anos, e o namorado Rafael, foram agredidos após pedir passagem para o motorista de um carro que bloqueava o acesso de uma rua do centro comercial de Alphaville (São Paulo). Letícia teve traumatismo facial e o maxilar quebrado.

Letícia afirma que a agressão não teve motivos:
— Meu namorado buzinou pra ele sair e ele achou ruim e nos agrediu. Começou a dar soco, murro no meu namorado, não deixou nem ele descer. Eu desci para tentar apartar e ele me jogou no chão.

Segundo a garota, o agressor, Vinícius Fujimori, de 20 anos, olhou para ela e continuou a agressão:
— Não vi se ele fez mais alguma coisa porque eu desmaiei.

Um boletim de ocorrência foi registrado e na delegacia a família descobriu que há outras queixas registradas contra Fujimori, que justificou a agressão como legítima defesa.

Letícia e Rafael são pais de um bebê de três meses, que estava no banco de trás do carro no momento da agressão. A mãe não pode amamentar em função dos fortes remédios que está tomando até passar por cirurgia para reconstruir o maxilar.

A mãe de Letícia conta que o agressor é lutador de jiu-jitsu e que usou o corpo como arma:
— Pra mim foi uma tentativa de homicídio.
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta