Julgamento de Confúcio é adiado porque juiz eleitoral está fazendo campanha para OAB

O Rondoniaovivo informou que o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), adiou para a próxima semana, o julgamento da Ação de Investigação Judicial n° 1642-02.2014.6.22.0000, onde aColigação Frente Muda Rondônia, que representa o ex-senador Expedito Júnior (PSDB), pede a cassação do mandato do governador do [su_frame align=”right”] [/su_frame]estado de Rondonia Confúcio Moura (PMDB), pela suposta prática de crime eleitoral.

A Análise e votação da ação foi cancelada por conta da ausência do juiz Juacy Loura, candidato à presidência da OAB/RO, que está no interior do estado, em campanha eleitoral. No pedido, os advogados do então candidato tucano, sustentam que o governador teria praticado crime eleitoral ao inaugurar durante o pedido de campanha, o Teatro Palácio das Artes, entregue à comunidade no mês de julho de 2014, três meses antes das eleições.

Este é o segundo pedido impetrado pela coligação derrotada contra o atual governador do estado, que em setembro passado, ganhou por unanimidade no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o processo que era acusado de prática de abuso econômico durante a convenção do seu partido.

O relator do processo é o desembargador Roosevelt Queiroz Costa, que deve apresentar a matéria na próxima sessão do pleno, marcada para o próximo dia 17.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

3 thoughts on “Julgamento de Confúcio é adiado porque juiz eleitoral está fazendo campanha para OAB

Deixe uma resposta