Justiça volta a ouvir as testemunhas da Operação Detalhe, em Cacoal

Estão sendo ouvidas 34 pessoas que foram indicadas pelos próprios réus. No dia 2 de outubro, mais 18 testemunhas também serão ouvidas.

[su_frame align=”right”] [/su_frame]As testemunhas de defesa dos réus investigados na Operação Detalhe, deflagrada no dia 8 de maio, em Cacoal (RO), município a 480 quilômetros de Porto Velho, estão sendo ouvidas pela Justiça. As oitivas começaram na manhã de segunda-feira (14), no fórum do município. Foram ouvidas 34 pessoas, indicadas pelos próprios réus. No dia 2 de outubro, mais 18 testemunhas também serão ouvidas.
Na sexta-feira (11), a última testemunha de acusação foi ouvida. Era um empresário que não pode depor junto com os demais, pois havia sofrido um acidente e o médico pediu o prazo de 30 dias para que a sua oitiva fosse marcada.

Somente após as 52 testemunhas serem ouvidas é que os réus serão interrogados pela Justiça. Provavelmente o juiz irá intimar os 16 réus investigados na Operação Detalhe, para depor na audiência do dia 2 de outubro, todos no mesmo dia, porém em horários diferentes, já que um não poderá ouvir o depoimento do outro.

]Operação Detalhe
Com o objetivo de desarticular um suposto esquema de arrecadação de propina, beneficiamento em licitações e direcionamento na votação da Comissão Parlamentar de Inquerido (CPI) da saúde, a Polícia Civil e o Ministério Público Federal de Rondônia deflagraram, no dia 8 de maio deste ano, a operação que levou o nome de “Detalhe”. Nove pessoas foram presas, dez conduzidas coercitivamente e 27 mandados de busca e apreensão foram cumpridos.

Com informações do site G1

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta