Léo Moraes discute retirada de barreiras fitossanitárias

O deputado Léo Moraes (PTB) esteve com o presidente da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron), José Alfredo Volpi, para discutir a retirada das barreiras fitossanitárias que impedem a comercialização de hortaliças, frutas, legumes e bovinos entre o Amazonas e Rondônia.

Segundo o parlamentar, trata-se de barreiras não tarifárias que os Estados utilizam para impedir a entrada de determinado produto alegando possível contaminação biológica de plantas ou animas, por bactérias, fungos, insetos, entre outros.

O deputado ressaltou que os dois Estados estariam livres da febre aftosa, o que de acordo com o deputado, torna ainda mais importante o comércio entre Rondônia e Amazonas.

“O mercado do Amazonas está em alta e há muito tempo estamos nessa expectativa. Só em Manaus existem dois milhões de habitantes”, informou o deputado.

Léo Moraes disse ter encampado o assunto por conhecer a realidade local.

Segundo ele, o presidente da Idaron se comprometeu em prestar apoio e encaminhar relatórios nas próximas semanas. “Também discutiremos esse assunto no Parlamento Amazônico no próximo dia 23 de março”, informou o deputado Léo Moraes.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta