Léo Moraes garante que Rondônia não terá aumento da bandeira tarifária na conta de luz

Aneel anunciou que cobrança extra já inicia a partir desse mês de julho, em todo o país

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou que em julho a bandeira tarifária será amarela, ou seja, as contas de energia terão cobrança extra de R$ 2 a cada 100 kilowatts-hora (kWh) consumidos.

No entanto, o deputado Léo Moraes (PTB) garantiu que os rondonienses não pagarão este aumento. Desde 2015, Léo luta pelo fim das cobranças.

O deputado informou que levou a demanda para a Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Rondônia (Facer), e propôs uma ação civil pública para o fim da bandeira tarifária.

“Após vários debates e discussões, conseguimos a vitória. Nenhuma bandeira tarifária será cobrada em Rondônia”, enfatizou o parlamentar.

De acordo com Aneel, o fator que determinou o acionamento da bandeira amarela foi o aumento do custo de geração de energia elétrica.

Entenda as bandeiras tarifárias:

• Verde – sem cobrança adicional

Condições favoráveis de geração de energia

• Amarela – R$ 2 por 100 kWh

Condições pouco favoráveis de geração de energia

• Vermelha – R$ 3 por 100 kWh

Custo de energia mais caro

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta