Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Líder sindical condena omissão do Governo e da classe política no caso da Transposição

0

O que teria acontecido nos bastidores de Brasília e de Rondônia para a Transposição ainda não ter sido efetivada até mesmo para um pequeno grupo de 48 servidores que já tiveram os nomes publicados no Diário Oficial da União? O questionamento em tom de desabafo está sendo feito por um dos poucos líderes sindicais que ainda estão envolvidos diretamente no processo, Valdemir Andrade Caçador (Sindifisco), que juntamente com o presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, amplia o eco sobre a inoperância da bancada federal para ajudar os milhares de servidores públicos do Estado que tem impasse com a União.

Caçador conta que ele, Manoel Rodrigues e o representante do Sindsaúde estarão em Brasília no próximo dia 22 cobrando respostas para o impasse. “Queremos saber porque nada anda, porque nada está acontecendo. A Secretaria de Administração do Ministério da Fazenda diz que o problema é do Governo do Estado, que diz que é a União é que gera problemas”, afirma ele. Na última sexta-feira os representantes sindicais estiveram reunidos e ficou acordado que o Sindsef irá impetrar mandado de segurança questionando a não efetivação da Transposição ao grupo de 48 servidores que já tiveram os nomes divulgados no Diário Oficial.

Para o sindicalista há algo errado. “Não entendemos porque depois de tanto tempo os processos não andam, os acordos não são cumpridos e por último agora até mesmo a classe política se calou. Há alguma coisa estranha no ar”, afirma Caçador, explicando que até mesmo com relação a Transposição por parte das providências do Estado, tudo está parado. “O Governo Federal diz por exemplo no processo não tem uma única assinatura de autoridade constituída do Estado, no caso de certidões. Agora que estão começando a fazer”.

Fonte: Rondoniagora

Comentários
Carregando