Médica suspeita de matar irmãos em Salvador sai do hospital e é levada para a cadeia

A médica suspeita de provocar a morte de dois irmãos saiu da clínica particular em que estava internada, em Salvador, por volta das 10h25 desta quinta-feira (17). Ela foi levada para a penitenciária feminina Lemos de Britto, também na capital baiana. A jovem prestará depoimento e deve permanecer detida. A médica estava internada sob a vigilância de dois policiais desde o acidente, ocorrido na última sexta-feira (11).

 Antes de ser transferida, o Ministério Público chegou a desconfiar que ela estaria sendo protegida por colegas para não ir para a cadeia. Por conta disso, o órgão pediu uma avaliação da perícia técnica para avaliar o relatório do hospital. Os peritos concluíram, na última quarta-feira (16) que não havia necessidade de internação, por isso a médica poderia ser levada direto para o presídio feminino.

 Câmeras de segurança flagraram o momento em que a mulher perseguiu os irmãos com o carro. Os jovens estavam em uma motocicleta e foram atingidos na traseira. Os dois morreram na hora.

 A polícia já ouviu sete testemunhas e todas contam a mesma versão. Segundo os depoimentos, o crime teria sido motivado por uma briga no trânsito. Os agentes aguardam agora o depoimento da suspeita. A defesa da médica, porém, alega que ela se assustou com o motociclista e, por isso, acelerou o carro.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Por favor, dê um like em nossa página no Facebook
Placeholder
Anterior «
Próximo »

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

  • twitter
  • googleplus

Deixe uma resposta