Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Militar do Exército salva namorada, mas acaba assassinado por motociclista

Família está em choque com o crime e amigos compartilham mensagens consternados

0

Um cabo do Exército Brasileiro de 23 anos foi morto a tiros na noite deste sábado (21), em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba.

Jackson David Prim Mazepa estava dentro do carro dele, uma Parati de cor branca, ao lado da namorada quando foi baleado por cinco disparos de arma de fogo, efetuados por um motociclista.

O militar empurrou a garota para o chão do carro e ela não foi atingida.

A motivação ainda é desconhecida.

A família está em choque com o crime e amigos compartilham mensagens consternados.

Segundo testemunhas, o casal tinha acabado de sair de uma igreja na região do bairro Jardim Graciosa, caminhou até o carro e antes que Mazepa ligasse o carro foi surpreendido por um motociclista armado. “Ele estava dentro do carro, já morto quando chegamos.

O carro estava praticamente do lado da igreja. Testemunhas relataram que o motociclista parou na frente do carro e disparou. Três tiros atingiram o tórax dele, no lado esquerdo, e dois no abdômen”, descreveu o soldado Branco.

O crime aconteceu na esquina das ruas José Simione com a a Luiz Collere. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas o cabo não resistiu e morreu. No local, muitas pessoas se aglomeraram revoltados com o crime. A garota foi amparada por familiares e será ouvida pela polícia.

O corpo do militar foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba e a Polícia Civil de Campina Grande do Sul investiga o caso. Mazepa era cabo e seria promovido para 3º sargento, em breve. O local do velório e sepultamento ainda não foram divulgados pela família.

Comentários
Carregando