fbpx
Ministério Público prorroga por mais 6 meses força-tarefa da Lava Jato no RJ

O Conselho Superior do Ministério Público Federal prorrogou nesta terça-feira (25), por mais 6 meses, a duração da força-tarefa de procuradores da República que atuam na Operação Lava Jato no Rio de Janeiro.

Com a medida, uma equipe de procuradores continuará dedicada exclusivamente às investigações em território fluminense dos casos de corrupção revelados a partir da Lava Jato. A operação foi deflagrada em Curitiba, em março de 2014, mas se espalhou pelo país na medida em que os investigadores começaram a desfiar o novelo de corrupção que atuava na estatal do petróleo.

Os principais focos do Ministério Público Federal no Rio de Janeiro são as irregularidades cometidas na Eletronuclear e a propina que movimentou a administração do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB).

A prorrogação dos trabalhos manterá os procuradores Eduardo Gomes, José Augusto Simões, Rodrigo Timóteo da Silva, Rafael dos Santos e Sérgio Dias à frente das investigações da Lava Jato no estado.

Fonte: g1.com
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta