Ministro fala sobre transferência de presos para presídio federal, mas não sobre a nomeação de servidores

Governo quer construir mais presídios nos Estados

Em meio a uma grave crise no sistema prisional brasileiro, os presídios federais novamente entram em destaque como destino para os lideres das facções que culminaram com a morte de quase 60 pessoas em presídios do Amazonas.

Os presídios federais ficaram conhecidos no Brasil como lugares que conseguiram isolar presos de alta periculosidade e que comandam atividades criminosas, alguns como Fernandinho Beira Mar e Marcola já passaram ( e ainda passam) pelos rigores das penitenciárias federais de segurança máxima.

É certo que alguns dos presos transferidos serão abrigados na penitenciária federal de Porto Velho, e como cidadão devo perguntar, se realmente nossa cidade não será alvo de criminosos após essas transferências? E se as penitenciárias possuem estruturas para manter a segurança?

Coincidência ou não, enquanto o ministro da justiça Alexandre de Moraes fala de transferências de detentos, mais de 240 candidatos aos cargos de Agente Penitenciário Federal, Especialistas e Técnicos aguardam ansiosos as nomeações no concurso que foram aprovados ainda em 2015, a abertura do certame ocorreu em abril/2015 e naquele momento já existiam vagas em aberto e baixo efetivo, quase dois anos após o contingente de servidores não estaria pior?

O governo federal alega ter gasto milhões para formar os novos servidores no período de abril a junho de 2016, qual seria a causa de não nomear os aprovados, sendo que a União continua com limites para despesas com servidores? Se o contingente de pessoal está baixo, seria prudente transferir lideres de facções, sem nomear os aprovados? Isso não comprometeria a segurança das penitenciárias e não deslocaria o problema para outras cidades?

O governo também fala em construir novos presídios estaduais, em plena crise quando a maioria dos estados está endividado e sem condições de manter a atual estrutura. Porque não investe em unidades federais, que possuem estrutura melhor e mais segura ao invés de transferir essa responsabilidade aos estados?

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Ministro fala sobre transferência de presos para presídio federal, mas não sobre a nomeação de servidores

Deixe uma resposta