Modelo é atacada a mordidas ao tentar terminar o namoro

Com uma mordida profunda no lábio, chegando até à altura do nariz, e o rosto todo ensanguentado, Chanttelle não se calou frente à violência

A jovem que você vai conhecer hoje é mais uma vítima da violência praticada contra a mulher ao redor do mundo. Ela, apesar de ter conseguido levantar a cabeça, ficou um bom tempo desfigurada depois de ser atacada a mordidas pelo ex-namorado.

O motivo da agressão? Conforme os jornais internacionais que repercutiram o caso, a inglesa Chanttelle Ward, de 20 anos, foi agredida durante 30 minutos ao tentar terminar com o então namorado, o também britânico Rhys Culley.

O rapaz teria surtado à notícia dada por Chanttelle. Para finalizar tudo, ainda não satisfeito com as agressões, a moça foi atacada a mordidas por Rhys.

Com uma mordida profunda no lábio, chegando até à altura do nariz, e o rosto todo ensanguentado, Chanttelle não se calou frente à violência. Ela tirou uma foto para mostrar ao mundo e denunciou o ex-namorado.

No final das contas, o agressor pegou 8 anos de prisão e a moça atacada a mordidas se recuperou e conseguiu, nada menos, que vencer um concurso para se tornar top model. Chanttelle também levou o prêmio, no valor de 5.500 reais, e um contrato como modelo.

Embora esteja feliz agora, a inglesa atacada a mordidas ainda recebe acompanhamento psicológico para superar o trauma. Em entrevista a um jornal da Inglaterra, ela contou que o passado nunca vai embora, mas ele a fez sentir melhor consigo mesma.

Agora, Chanttelle, a garota atacada a mordidas por um ex-namorado surtado, luta para que outras vítimas de violência doméstica tenham voz e não se escondam em seus dramas.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário