O superintendente do Ministério do Trabalho e Emprego em Rondônia, Maurício Vaz, apresentou na manhã desta quarta-feira 31.10 durante reunião do Conselho do Sesc e do Senac o projeto Escola do Trabalhador – Ensino a Distância, voltado para a qualificação de trabalhadores brasileiros e o combate ao desemprego.

Segundo Maurício Vaz, o projeto foi lançado no ano passado e já conta com mais de 4.550 inscrições em Rondônia e a meta é inscrever pelo menos 20 mil jovens. O Ministério está em busca de parceiros para divulgar maciçamente o projeto para qualificar o maior número possível de estudantes no Estado.

Ao falar sobre a questão do desemprego no País, o superintendente disse que a falta de qualificação tem sido um dos grandes gargalos do jovem para o ingresso no mercado de trabalho. “A fila dos bons já está cheia. Hoje você tem que estar na fila dos ótimos para lutar por um bom emprego”, citou Maurício Vaz.

Durante a conversa com o presidente Raniery Coelho, Maurício Vaz elogiou o trabalho do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, que também possui um trabalho de excelência na qualificação de jovens para o mercado de trabalho através do Senac, e disse que a parceira com o sistema para ampliar a divulgação do projeto no Estado será de grande valia.

Segundo o presidente Raniery Coelho, o sistema Fecomércio/RO está à disposição do Ministério do Trabalho para essa parceria de divulgação do Projeto Escola do Trabalhador. “Um grande projeto, que possui a marca do Ministério do Trabalho e a capacidade técnica da UnB na realização dos cursos. Certamente trará inúmeros benefícios na qualificação dos jovens que estão em busca de seu primeiro emprego”, elogiou o presidente.

Na semana passada, o Governador do Estado de Rondônia Daniel Pereira, assinou o protocolo de intenções com o Ministério do Trabalho para ampliar qualificação profissional em 25 tipos de cursos a distância que abrangem desde a área de gestão e negócios, até a produção industrial, informação e comunicação, além de turismo, hospitalidade e lazer.

Os cursos têm em média duração de 40 horas, são online e gratuitos e sem exigência de grau de escolaridade e nem idade mínima. Para se inscrever basta acessar o endereço da Escola do Trabalhador (http://escola.trabalho.gov.br/) e fornecer o número do CPF e e-mail.

Redação Painel Político
Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta