Morre bombeiro que trabalhava no Museu da Língua Portuguesa, em SP

Homem tentou combater início do incêndio e teve parada cardiorrespiratória. Fogo consumiu boa parte do prédio histórico no centro de São Paulo

Um homem morreu vítima do incêndio de grandes proporções que atingiu o Museu da Língua Portuguesa, na região central de São Paulo, na tarde desta segunda-feira (21). O bombeiro civil que trabalha no museu e tentou controlar o foco de incêndio teve queimaduras pelo corpo, foi socorrido e levado ao Hospital das Clínicas mas não resistiu. Ele sofreu uma parada cardiorrespiratória e morreu.

Com informações do site G1

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta