fbpx
MP acusa marido de deputada de Rondônia de fraude no auxílio-moradia; Donadon segue foragido

Marcos e Rosângela Donadon são acusados de transferir imóveis para irmão e continuar recebendo auxílio-moradia

Foragido da justiça rondoniense desde abril do ano passado, o ex-deputado estadual Marcos Donadon foi denunciado, junto com seu cunhado, de ter maculado um contrato para fraude em recebimento de auxílio-moradia, no valor de R$ 5 mil.

Menias Henrique Pereira Filho é irmão da deputada estadual Rosângela Henrique Pereira Donadon, esposa de Marco, e o ex-deputado foi acusado, no processo 0016101-56.2015.8.22.0501, de transferir um imóvel em Porto Velho para o cunhado e continuar recebendo o auxílio-moradia da Assembleia Legislativa.

De acordo com a denúncia do ministério Público, Donadon e seu cunhado praticaram crime de lavagem de dinheiro em uma transação fraudulenta. Além de continuar recebendo auxílio-moradia, mesmo tendo residências próprias em Porto Velho e Vilhena, a esposa de Marco Antônio continua sendo beneficiada.

O ex-deputado deveria ter comparecido às audiências, mas dada a sua condição de foragido, deverá ser condenado à revelia. O processo está concluso para sentença. Através de seus advogados, Donadon ainda tentou uma manobra para evitar a condenação, alegando que o juiz “não tinha competência para julga-lo”. O recurso foi indeferido.

Pode estar na Itália

Marcos Donadon está foragido desde abril de 2016 quando foi condenado há mais de 12 anos de prisão. Ele já cumpria pena, em regime domiciliar por crimes cometidos quando foi presidente da Assembleia. Essa condenação custou também o mandato de seu irmão, Natan Donadon, que era deputado federal e foi condenado no mesmo processo, por desviarem juntos, recursos da Assembléia. Natan, na época, era secretário geral da Casa.

Natan perdeu o mandato por ter sido condenado com o irmão

O segundo mandado de prisão contra Marco Antônio, no qual ele está com status de “foragido” é referente à desvios cometidos na chamada “folha paralela”, esquema que foi desbaratado pela Polícia Federal na Operação Dominó (2006). De acordo com fontes de PAINEL POLÍTICO, o ex-parlamentar teria obtido cidadania italiana e estaria morando lá.

 

Gastos excessivos

A deputada estadual Rosângela Donadon está na mira das autoridades em função dos gastos excessivos com combustíveis, existe a suspeita de que ela esteja apresentando “notas frias”. A parlamentar apresenta mensalmente o equivalente a R$ 15 mil em notas sempre dos mesmos postos.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta