MPF investiga programa Minha Casa, Minha Vida em Candeias
Na semana passada, o Ministério Público Federal, por meio do procurador da República Raphael Luís Pereira Bevilaqua, instaurou inquérito civil para investigar o programa Minha Casa, Minha Vida em Candeias do Jamari.
Segundo o procurador, uma denúncia feita pela Comissão Justiça e Paz, por meio de Dom Luciano Mendes, promoveu a ação. “Unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida no bairro Santa Letícia II, em Candeias do Jamari, teriam sido entregues sem condições de habitabilidade, bem como não se sabe os critérios utilizados na seleção das famílias beneficiadas pelo conjunto”, apontou ele.
O primeiro passo foi convocar o prefeito de Candeias do Jamari, Dinho Souza, para prestar esclarecimentos ao MPF. Ele já teria faltado à duas convocações. “Oficie-se ao Prefeito Municipal de Candeias do Jamari, reproduzindo os termos do Ofício 5020/2013, com a ressalva de que eventual recusa/omissão importará na conduta do crime do art. 10 da Lei 7.347/85, considerando ser a terceira vez que o MPF solicita informações”.
News Reporter
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta