Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Mulher nega ter elogiado governador Confúcio Moura em matéria do Decom

0

Moradora do bairro Embratel, em Porto Velho, dona Ana Maria ligou na tarde desta segunda-feira para a redação do Tudorondonia se dizendo indignada com a publicação de uma declaração atribuída a ela pela assessoria de comunicação do Governo de Rondônia em texto distribuído à imprensa no último dia 18 e publicado pelo jornal eletrônico.

No texto que deixou dona Maria revoltada, a assessoria de imprensa do Governo diz que ela deu à seguinte declaração: “…eu já sofro muito por que não enxergo direito, me consultei na Policlínica Osvaldo Cruz e soube que poderia recuperar a minha visa (sic). Deixei meus dados para ser chamada no momento que fossem realizar o procedimento, quando me ligaram eu nem acredite (sic), fiquei tão feliz, graças ao governador Confúcio Moura, eu já vou operar neste final de semana e sem pagar nada por isso”.

Segundo dona Maria, ela nunca deu esta declaração ao Departamento de Comunicação do Governo ou à Assessoria de Imprensa da Secretaria Estadual de Saúde.

Segundo o Governo, dona Maria teria feito tais declarações durante mutirão de cirurgias oftalmológicas na Policlínica Oswaldo Cruz.

“Isso é mentira, eu não poderia ter dito isso porque não fui ali para fazer cirurgia. Fui lá para saber se havia chegado medicamento que eu estou tentando obter por meio de ação judicial impetrada pela Defensoria Pública. Um desembargador do Tribunal de Justiça de Rondônia concedeu a liminar obrigando o Estado a fornecer os medicamentos. Me ligaram lá na minha casa na quinta-feira e eu fui lá na policlínica ver se os medicamentos tinham chegado. Fiquei das 7 horas da manhã até meio dia em busca de uma informação. Ai me perguntaram o que eu achava do mutirão, eu respondi que achava bom; como é que eu ia ser contra isso? Mas foi só, não disse aquilo que eles escreveram que eu teria dito, elogiando o governador e nem tampouco dizendo que eu ia fazer cirurgia, porque isso não é verdade”, explicou dona Maria.

A mulher disse que as pessoas que a conhecem e sabem de suas dificuldades para ser assistida pelo Estado , via judicial, estranharam sua suposta declaração de satisfação com um serviço do qual não se beneficiou. De tão indignada por ter sido usada para divulgar uma mentira à população, dona Maria falou em processar o Estado.

Leia a matéria que deixou dona Maria indignada: Policlínica Osvaldo Cruz realiza mutirão de cirurgias oftalmológicas .Sobre esta matéria, a filha de dona Maria enviou o seguinte comentário ao Tudorondonia: “Postado por DANDARA GRUMBLE em 21/10/2013 às 12:34

realmente isso e muita mentira, a senhora que estão mencionando nessa reportagem ridicula e minha mãe. e esta parte da matéria ”me consultei na Policlínica Osvaldo Cruz e soube que poderia recuperar a minha visa. Deixei meus dados para ser chamada no momento que fossem realizar o procedimento, quando me ligaram eu nem acredite, fiquei tão feliz, graças ao governador Confúcio Moura, eu já vou operar neste final de semana e sem pagar nada por isso”, disse a paciente.” e tudo mentira em nenhum ele disse esse absurdo. e outra para a policlinica osvaldo cruz ser igual diz a materia precisa melhorar muito ainda”.

As informações são do Tudorondonia

Comentários
Carregando