fbpx
“Não representa”, diz Bolsonaro sobre a professora agredida em SC

O deputado Jair Bolsonaro usou as redes sociais para criticar a postura da professora Marcia Friggi, que foi agredida por um aluno de 15 anos e publicou uma desabafo no Facebook. Nesta terça-feira (22/8), o parlamentar afirmou que ela “não representa” os docentes do país.

Na publicação, o deputado relembra da ovada que levou, no último dia 17. Com uma montagem, Bolsonaro mostra que Marcia apoiou, com mensagens de encorajamento, a estudante acusada de jogar os ovos que o atingiram. Ao lado, uma foto da professora com o rosto sangrando após ser vítima de agressão por ter expulsado um aluno da sala de aula.

“‘Ovada’ em Jair Bolsonaro pode, diz professora agredida por aluno. Essa senhora não representa os docentes do Brasil”, escreveu o deputado. A publicação rendeu diversos comentários, entre os mais curtidos estão: “Quando vi a notícia da primeira vez cheguei a ficar com dó dela, mas depois de ver o face dela e descobrir que é uma HIPÓCRITA, meu sentimento inverteu” e “Não concordo com esse aluno em agredir um professor. Deveria ir preso esse vagabundo. Mas essa mulher aí não merece respeito não”.


Fonte: metropoles.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta