fbpx
Notícia sobre Trump reacende caso de suicídio de atriz pornô; entenda

Na última semana o presidente dos EUA, Donald Trump , foi mais uma vez notícia por assuntos que nada têm a ver com política. Dessa vez, as manchetes fazem referência a Stormy Daniels , atriz pornô que teria recebido uma alta quantia em dinheiro antes da campanha presidencial de Trump para não falar sobre um encontro sexual que teve com o presidente no passado.

A repercussão da história, porém, não caiu bem para algumas pessoas na indústria pornográfica . A atriz pornô Alana Evans foi a primeira a questionar do porquê da notícia de Daniels tem ganhado os holofotes só agora. Para ela, o “timing” da notícia foi proposital, para tirar o holofote de outro caso que perturba a indústria desde dezembro de 2017: o suicídio da atriz August Ames . Alana comentou no Twitter que o caso com o presidente veio a público bem quando o marido de Ames, Kevin Moore, publicou um longo relato sobre a morte da esposa, o bullying que ela sofre e os envolvidos na ação.

 

Quando a história de hoje surgiu sobre Trump e Stormy Daniels, eu me perguntei por que agora? Por que um ano depois que eu compartilhei a minha história? Depois eu percebi que era para manter a atenção na única coisa que faria as pessoas desviarem o olhar para o fato que Jessica Drake está sendo acusa de causar o suicídio de August Ames.

De acordo com Moore, uma das pessoas que fizeram bullying com August foi a também atriz pornô Jessica Drake (coincidência ou não, também acusadora de Trump). Drake, nome influente na indústria, e contratada do estúdio “Wicked Pictures”, teria sido uma das pessoas que fez comentários contra August on-line: “A sra. Drakes escolheu ser uma porta-voz dessa indústria. Ao fazer isso, suas palavras tem mais peso. Ela causou dano irreparável ao usar seus seguidores e sua fama para tentar silenciar e fazer bullying com uma jovem impressionável”, acusou Moore.

A acusação ainda comenta sobre o fato de que August (cujo nome real é Mercedes) havia feito uma acusação na justiça contra o ator Axel Braun, também contratado da “Wicked Pictures”. Moore acredita que a reação de Drake foi uma “retaliação” a ação de August contra outro ator da companhia. Até o momento Jessica Drake não se pronunciou sobre as acusações.

Tragédia

A  atriz pornô August Ames , de 23 anos, foi encontrada morta dentro de sua casa, na cidade de Camarillo, na Califórnia, em 5 de dezembro de 2017. O confirmou o ocorrido. “Ela foi a pessoa mais gentil que conheci e era tudo na minha vida. Espero que o momento de luto da minha família seja respeitado”, afirmou.

Do IG

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta