Operação Cardeal cumpre 72 mandados; 28 são de prisão

Foram apreendidos R$ 6 milhões em dinheiro e 100 quilos de cocaína; vereador de Nova Mamoré é acusado

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira a Operação Cardeal, que visa desarticular uma quadrilha voltada ao tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. Foram cumpridos 72 mandados judiciais, sendo 28 de prisão preventiva, 12 conduções coercitivas e 32 mandados de buscas em Rondônia, Amazonas, Goás, Maranhão, Rio Grande do Norte e Ceará.

A Cardeal é um desdobramento da Operação Nova Dimensão, realizada em agosto do ano passado quando foram cumpridos mandados em Rondônia e Ceará.

De acordo com as investigaç~eos da PF, foi possível identificar o principal responsável pelo transporte de entorpecentes por meio aéreo, sem qualquer notificação as autoridades e sem registro dos planos de voo.

Foram apreendidos cerca de R$ 6 milhões em dinheiro, além de 100 quilos de cloridrato de cocaína e 30 quilos de fenacetina, inumo usado para aumentar o volume da droga.

Os integrantes da quadrilha usavam empresas como joalherias, distribuidoras de bebidas, revendas de aumtoóveis, academias e farmácias para ‘lavar o dinheiro’.

Foram presos acusados em Porto Velho, Nova Mamoré (vereador Zenilton Pinto – PSL) e Cacaulândia (Rondônia). No Amazonas foi cumprido mandado de prisão em Humaitá.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário