Operação prende 20 pessoas suspeitas de contrabandear mais de R$ 50 milhões em cigarros

Pelo menos 15 carretas foram apreendidas, 13 eram roubadas, aponta PRF

Uma força-tarefa da Receita Federal com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Militar prendeu 20 pessoas, e apreendeu 15 carretas que faziam o transporte de mais de R$ 50 milhões em cigarros contrabandeados, em Goiás. Dos veículos apreendidos, 13 eram roubados, e utilizavam placas clonadas para circular pelas rodovias que cortam o estado.

De acordo com a PRF, as investigações duraram cerca de dois meses e concluiu que a carga era transportada do Paraguai, e o contrabando abastecia o mercado em Goiás, o Distrito Federal e Tocantins. Segundo a corporação, durante a apuração, pelo menos 8 milhões de maços de cigarro foram apreendidos.

15 veículos foram apreendidos na operação, em Goiás (Foto: Divulgação/PRF)

A operação concluiu que, para burlar a fiscalização, os contrabandistas colocavam cargas legais no carregamento, e procuravam passar pela fiscalização simultaneamente com veículos que faziam o transporte regular de produtos e mercadorias legalizadas.

Além dos veículos e das prisões, a força-tarefa também apreendeu mais de 300 kg de drogas, três armas de fogo e 118 munições.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta