fbpx
Organização sul-africana leiloa noite na cela de Nelson Mandela

A maior oferta foi de US$ 350 mil no nome do ex-presidente do Zimbábue Robert Mugabe, com quem Mandela não teve uma boa relação em seus últimos anos

Johanesburgo – A organização sul-africana CEO Sleepout colocou nesta quarta-feira em andamento o leilão de uma noite na cela ocupada em Robben Island pelo histórico presidente da África do Sul e Prêmio Nobel da Paz, Nelson Mandela, com um preço de saída de US$ 250 mil.

O ganhador do leilão passará a noite do dia 18, que marca o centenário do nascimento de Mandela – morto em dezembro de 2013 -, junto a 67 “influenciadores, líderes empresariais e celebridades” que “terão a oportunidade de pensar e passar a noite” na prisão, que onde hoje funciona um museu.

A cela número 7, ocupada pelo líder do movimento contra o regime racista do “Apartheid”, será preenchida por quem oferecer mais dinheiro antes de 17 de julho.

Desde o começo do leilão, já houveram quatro ofertas: a maior delas até o momento, de US$ 350 mil, foi registrada sob o nome do ex-presidente do Zimbábue Robert Mugabe, com quem Mandela não teve uma boa relação em seus últimos anos.

Em seu site, o CEO Sleepout explica que “uma parte dos fundos arrecadados” será destinada a uma iniciativa que “dá ao preso acesso a educação ao nível da universidade pública, orientação e apoio da comunidade para aumentar as suas possibilidades de graduar-se a tempo e de conseguir um trabalho quando deixar” o presídio.

Entre os atos previstos para a celebração do centenário de Mandela destaca-se uma conferência com a participação do ex-presidente americano Barack Obama.

Fonte: exame.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta