Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Padrasto é suspeito de estrangular menino encontrado morto no Rio Machado em Castanheiras, RO

Padrasto foi visto pela última vez nesta madrugada em Presidente Médici (RO). Mãe do garoto que morava em Cacoal também está desaparecida.

0

A polícia procura o padrasto de um menino de 5 anos que foi encontrado morto na madrugada desta segunda-feira (18) no Rio Machado, em Castanheiras (RO), situado a cerca de 450 quilômetros de Porto Velho. Pescadores viram o corpo do menino boiando e ligaram para a Polícia Militar (PM).

Conforme a Polícia Civil, a criança foi estrangulada e depois de morta foi jogada no rio. O padrasto da criança, de 40 anos, é o principal suspeito. O menino e a família moravam em Cacoal (RO). O padrasto foi visto pela última vez na madrugada desta segunda, em Presidente Médici (RO).

Conforme o diretor do Departamento de Polícia do Interior, Arismar Araújo, a tia do menino procurou a delegacia na manhã desta segunda para registrar uma ocorrência de sequestro da irmã e do sobrinho.

“Conforme a ocorrência, a mulher informou que o suspeito ligou para ela na madrugada e disse que na noite do domingo (17), mãe e filho tinham sido sequestrados por homens armados e encapuzados, enquanto voltavam para a casa em Cacoal. A partir daí, não foram mais vistos”, relata.

Ainda segundo a Polícia Civil, as investigações confirmaram que o suspeito possui parentes na Zona Rural de Presidente Médici (RO), próximo da região onde o corpo do menino foi encontrado. Com o exame de corpo de delito, ficou comprovado que o garoto foi estrangulado e teve o corpo jogado no rio.

O padrasto foi visto pela última vez nesta madrugada em Presidente Médici. O corpo da mãe da criança foi achado pelo Corpo de Bombeiros na mesma região, no final da tarde do mesmo dia.

“Ele foi visto pela última vez em um veículo de cor azul, placa NBE 8071, de Cacoal. Quem tiver informações sobre o suspeito e do crime pode ligar no 190 da Polícia Militar, ou 197 da Polícia Civil”, explica Araújo.

Corpo encontrado

Pescadores estavam próximos à ponte sobre o Rio Machado, na RO-479, a cerca de quatro quilômetros do cruzamento com a BR-364 durante a madrugada, quando viram o corpo do menino no rio. Assim que conseguiram sinal de telefone, ligaram para a central da polícia em Rolim de Moura (RO) e comunicaram sobre o caso.

Segundo a PM, a criança estava às margens do rio. Os policiais acionaram o Corpo de Bombeiros, que fez o regaste do corpo da criança. O menino era pardo, usava uma bermuda branca com listras pretas e camiseta vermelha.

Não havia nenhum registro de desaparecimento de criança, de acordo com a PM. Uma equipe da perícia também esteve no local. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Presidente Médici, que já iniciou as investigações sobre o caso. A Polícia Civil divulgou várias fotos do padastro da criança e principal suspeito pela morte.

Fonte: g1/ro

Comentários
Carregando