Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Pai e sete filhos morrem envenenados após luz da casa ser cortada

0

Monóxido de Carbono liberado pelo aquecedor causou a morte da família americana

O ajudante de cozinha divorciado Rodney Todd, de 36 anos, e seus sete filhos morreram envenenados por monóxido de carbono na terça-feira (7). A causa da contaminação foi um corte na eletricidade, que fez com que o aquecedor utilizado pela família liberasse a substância, conforme informou a polícia local.

A empresa responsável pelo fornecimento de energia da região, Delmarva Power, foi intimada a informar exatamente quando a luz da casa, que é alugada, foi desligada. O Estado de Maryland proíbe as prestadoras de serviço de cortarem o fornecimento por falta de pagamento de contas sem antes apresentarem um depoimento à Comissão de Serviço Público.

Rodney Todd e seus dois filhos e cinco filhas foram vistos com vida pela última vez no dia 28 de março. A polícia encontrou os corpos na segunda-feira (6) depois que amigos da família, funcionários da escola e o supervisor de Todd no trabalho foram até a casa e ninguém respondeu.

“Estou desolada. É como se fosse um pesadelo, mas não é”, disse a mãe das crianças, Tyisha Lunice Chambers, à Associated Press. “Se eu soubesse que ele estava sem eletricidade, já teria ajudado.”

“As crianças estavam todas deitadas nas camas, parecia que estavam dormindo”, disse o chefe de polícia Scott Keller. “Eles não têm eletricidade. Provavelmente foram dormir e decidiram que precisavam de um pouco de calor, porque estávamos passando por algumas noites muito frias.”

Todd recebia benefícios do governo, mas não era o suficiente para pagar as contas, disse sua amiga, Sarah Hardy, ao Huffington Post. “Como pode um homem sobreviver com um salário mínimo, sustentando sete filhos, e você não pode ajudá-lo com uma conta de serviço público?”, perguntou Sarah. “Este pai de família estava trabalhando para pagar suas dívidas e a Delmarva Power corta sua luz?”, finalizou.

Padrasto de Todd, Lloyd Edwards disse que seu enteado era “um pai excelente”. “Para manter os seus sete filhos quentes, ele comprou um aquecedor. Infelizmente, o monóxido de carbono acabou os matando”, lamentou.

Porta-voz da Delmarva Power, Matt Likovich disse que a companhia também investiga o caso.

Comentários
Carregando