Panicat sobre assédio: “passar a mão eu não admito”

Carol Dias diz que ser panicat gera desrespeito por parte de alguns homens

A panicat Carol Dias falou com o Portal da Band sobre um assunto que bombou na semana passada: a questão do assédio.

“Nunca me sujeitei a isso, eu sou muito imponente, tenho personalidade forte”, afirmou. “Eu acho que muitas se submetem por medo de perder as coisas, emprego, enfim… Isso não pode acontecer”, opinou.

A beldade revelou se, por ser panicat, já sofreu algum tipo de desrespeito dos homens. “A gente sofre um preconceito muito grande, porque estamos de biquíni no palco. Todas nós temos um coração, somos seres humanos e temos uma história. Estamos trabalhando como qualquer outra pessoa”, disse.

Ela contou por qual tipo de situação já passou. “Às vezes eu vou à feira, e vem um cara com piadinha, coisas assim. Hoje em dia me coloco muito bem. Estou mais madura, tenho mais idade”, falou.

“Antes eu sofria muito. As piadas sempre aconteceram e sempre vão acontecer, mas quando o cara vem mexer com você e passa a mão, isso eu não admito. Já aconteceu de eu ter que chamar segurança para tirar a pessoa”, revelou. “Acham que porque estou de biquíni podem fazer o que quiserem. Não é assim”, enfatizou.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Anterior «
Próximo »

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

  • twitter
  • googleplus

Deixe uma resposta

Direto de Brasília