fbpx
PF deflagra operação e prende estrangeiro por abuso sexual

A investigação teve origem em informações fornecidas pela INTERPOL

A Polícia Federal deflagrou hoje (2/2) a Operação Soteria, com o objetivo de cessar abuso sexual cometido contra menor, bem como a produção e disseminação de imagens por meio da internet.

Estão sendo cumpridos um mandado de prisão preventiva e quatro mandados de busca e apreensão, sendo três nos municípios de Vila Velha e Vitória, no Espírito Santo, e em Araraquara/SP.

A investigação teve origem em informações fornecidas pela INTERPOL e teve por fim o combate aos delitos de exploração sexual contra criança e adolescente, praticado por investigado que atuava no Espírito Santo, utilizando a internet.

O investigado responderá no país pelos crimes de estupro de vulnerável, com pena de reclusão de oito a quinze anos; e de produção de imagens de abuso sexual, posse e compartilhamento de arquivos contendo pornografia infantil, cujas penas variam de 2 a 8 anos de reclusão.

O nome da operação foi escolhido porque a palavra SALVAÇÃO tem sua origem no grego soteria, que transmite a ideia de cura, redenção, remédio e resgate, e no latim salvare, que significa salvar, e também de salus, que significa ajuda.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta