Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

PM prende ladrões de gado em Ariquemes

0

Um fazendeiro residente na BR 364, Lote 23 esquina com Linha C-80 Nº S/N, Zona Rural, na região de Ariquemes registrou ocorrência de furto na última semana, informando que 51 cabeças de gado havia sido furtadas de sua propriedade. Policiais militares do Núcleo de Inteligência em Ariquemes descobriram os suspeitos que foram presos e os animais apreendidos e devolvidos ao dono. Foram conduzidos a Delegacia de Polícia em Ariquemes, Orlei Ribeiro, 33 anos, Claudinei Razini Vulgo “ligeirinho” de 32 anos.

Os policiais militares do Núcleo de Inteligência do 7º BPM informaram que após à notícia crime descrita na ocorrência policial de n°. 928-2015 na 3ª DPC Ariquemes e após serem procurados pela vítima, passaram a diligenciar para obter maiores informações acerca dos fatos, no intuito de identificar e prender os possíveis infratores bem como localizar res furtiva.

Chegaram aos acusados

De acordo com a PM, o crime teria sido praticado por dois homens conhecidos pelos nomes de Orlei e Claudinei vulgo “ligeirinho”, e que teriam usado dois caminhões para o transporte dos animais, sendo um caminhão marca Mercedes, modelo 1113, de cor vermelha e um caminhão Cargo, modelo 1313, cor cinza, e que os animais furtados haviam sido deixados no sítio localizado na Linha C-90, Travessão B-30, de propriedade de Orlei. Orlei foi localizado transitando em um caminhão Mercedes Bens, cor vermelha, modelo 1113, com placas HQR 6735 de Itapuã D’Oeste. Sobre o furto ele entrou em contradições e acabou por confessar a prática delituosa, a rés furtiva (Gado) encontrava-se em sua propriedade. Segundo ele, Claudinei, vulgo “ligeirinho”, participou do crime na madrugada de sábado 25/04/2015, e que para isso utilizaram dois caminhões sendo um marca Mercedes, modelo 1113, de cor vermelha e um caminhão Cargo, modelo 1313, cor cinza, furtando assim 51 (cinquenta e uma) cabeças de gado.

Arma e Claudinei

Com a presença dos acusados e acompanhados da esposa de Orlei, os policiais militares encontraram dentro da casa uma espingarda, cal. 28, marca Rossi, n° S 918525, três cartuchos cal. 28, cinco cartuchos cal. 32 e onze munições cal .38. A equipe obteve informação que Claudinei, vulgo “ligeirinho”, estava em sua residência. Durante as buscas no interior da casa de Claudinei foi localizado um cartucho intacto calibre 32, dois cartuchos intactos calibre .38 e um coldre de arma curta.

Claudinei vulgo “ligeirinho” relatou que ele e Orlei haviam furtado 51 cabeças de gado em uma propriedade rural localizada próximo da BR 364 esquina com Linha C-80, e que no dia dos fatos os dois se deslocaram para àquela propriedade com seus respectivos caminhões, sabendo que no local não havia ninguém cuidando. Os dois chegaram ao local do crime na sexta-feira 24/04 por volta das 19h30, estouraram o cadeado e as correntes da porteira, entraram na propriedade e juntaram o gado em um piquete, e como o embarcador do curral havia sido desmanchado pela vítima a fim de dificultar furtos de gado em sua propriedade, os infratores o reconstruíram para embarcar o gado, terminando por volta das 3h30 do dia 26/04 momento que saíram da propriedade com a res furtiva. Na apreensão a vítima e peritos da Polícia Civil participaram. O gado foi apreendido e devolvido ao dono. Os acusados ficaram na Delegacia para providencias legais.

A PM informou ainda que os acusados foram acompanhados por um advogado. A guarnição foi composta pelos policiais militares 3º sargento PM Sidnei, cabos Renato, Tarciso e o soldado Pontes. Com as guarnições do sargento PM Aparecido, cabo De Lara e soldados Nixon, Max e Daniel e do solado PM Janderson, Rorigues, Barroso e Maisson.

Comentários
Carregando