Polícia encontra corpo de professor universitário esquartejado em Porto Velho

Cabeça foi decepada e colocada em uma estante e os braços em uma bacia

A polícia foi chamada por uma diarista que encontrou,  no começo da noite desta sexta-feira , o corpo do professor universitário Elessandro Milan, de 34 anos, da Fimca. No local, no condomínio Aquárius, localizado na avenida Calama, bairro Aponiã, em Porto Velho, a polícia se deparou com uma cena macabra: o corpo estava sem a cabeça e os dois braços. Um táxi com pessoas suspeitas foi visto saindo do local na madrugada de quinta para esta sexta, horário em que a polícia supõe ter ocorrido o assassinato.

A morte, segundo a polícia, ocorreu na sala da casa  e o corpo foi arrastado até a cozinha, onde o assassino, ou assassinos, decepou os membros e colocou numa bacia.

Segundo as primeiras informações, a cabeça do professor teria sido  encontrada numa estante e os braços na bacia. O restante do corpo estava na cozinha da casa.

De acordo com a polícia, Elessandro foi visto  pela última vez  na quinta-feira,  no condomínio,  por uma vizinha, a mesma que, nesta sexta-feira, desconfiada ao ver o carro do professor na garagem, foi até seu apartamento e, ao encontrar marcas de sangue, acionou a diarista que abriu a porta e achou  o corpo.Um homem chegou a ser visto dentro do carro, mas não conseguiu sair do local com o veículo.

Duas facas foram encontradas na casa e somente uma, sendo ela de serra foi apreendida pela Polícia Civil. A outra, uma peixeira que estava com a lâmina quebrada foi recolhida por peritos do IML. A polícia suspeita que o assassinato ocorreu na manhã de sexta-feira (18), entre as 10 e 11 horas.

Elessandro ainda de acordo com a polícia, tinha se convertido em uma igreja evangélica e estava noivo. O professor que trabalhava em uma faculdade, morava sozinho e seus parentes são residentes no estado do Paraná.

A DIRETORIA DA FIMCA DIVULGOU A SEGUINTE NOTA DE PESAR

Diretoria, corpo docente, colaboradores e acadêmicos das Faculdades Integradas Aparício Carvalho – FIMCA manifestam seu profundo pesar pelo trágico falecimento do Professor Elessandro Milan.  Com formação em Ciências Biológicas e vasta experiência na área do ensino superior, o Professor Elessandro Milan era docente da FIMCA desde fevereiro de 2013 onde ministrava aulas nos cursos de Agronomia, Biomedicina, Farmácia, Enfermagem, Fisioterapia e Nutrição. Era muito estimado pelos diretores, pelos demais docentes e por seus alunos, por conta de sua espontaneidade, simpatia e pela forma diferenciada de compartilhar conhecimentos. Os diretores Dr. Aparício Carvalho e a Dra. Maria Sílvia Carvalho solidarizam-se com familiares e amigos do Professor Elessandro Milan neste momento de profunda tristeza e pesar. A FIMCA terá três dias luto, com a suspensão das atividades acadêmicas neste sábado.

Com informações do Tudorondonia

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta